“Em memória de Allison Wilke”

“Em memória de Allison Wilke”

Quem terminou de assistir a The OA, fará muitas perguntas sobre o enredo. A série Netflix é cheia de detalhes que passam despercebidos à primeira vista, mas que adquirem grande importância quando você os analisa em profundidade. Teremos que esperar pela segunda temporada para obter algumas respostas (que estreia amanhã), mas há incógnitas que podem ser resolvidas hoje. Como, por exemplo, a identidade de Allison Wilke, a mulher a quem eles dedicam a série.

A equipe da serie prestou homenagem a Allison Wilke, também conhecida como A. W. Grypho – de acordo com um usuário do Reddit -, uma produtora do programa que morreu com a idade de 44 anos, em novembro de 2016 devido ao câncer de mama. Desde que descobriu que sofria desta doença, Wilke se voltou para a causa e tentou ajudar as pessoas em sua situação.

Por esta razão, ele fundou o The Why Foundation, para educar as pessoas sobre o câncer e oferecer apoio aos doentes, e criou o documentário What the F @ # – Is Cancer e por que todo mundo tem? (Que po ** é câncer e por que todo mundo tem isso?), Além de outros projetos audiovisuais relacionados ao tema.

Infelizmente, é irônico que um de seus últimos trabalhos tenha sido uma série que trata das experiências de quase morte, vida após a morte e a existência de anjos, entre outras coisas. The OA é um bom adeus a Allison Wilke, alguém que, como a protagonista da série Netflix, dedicou seu tempo para ajudar outras pessoas.

 

Share this post

Post Comment